Parque das Serras do Porto

Let`s look a trailer...

Hoje, partilho um vídeo que retira dos territórios que envolvem a cidade onde vivo, o melhor “sumo” que ele tem para oferecer.

Faz todo o sentido esta partilha, não só pela beleza do mesmo, mas também porque é aqui que faço grande parte das minhas caminhadas e é onde também dou as umas voltinhas de bicicleta a este grande quintal.

Fica o convite para o visionamento do vídeo e, porque não, uma visita ao Parque da Serras do Porto.

Encantar-te-ás com os poetas até conheceres um

Poesia à Segunda

Encantar-te-ás com os poetas até conheceres um.
Com calças de poeta, camisa de poeta e casaco
de poeta, os poetas dirigem-se ao supermercado.

As pessoas que estão sozinhas telefonam muitas vezes,
por isso, os poetas telefonam muitas vezes. Querem
falar de artigos de jornal, de fotografias ou de postais.

Nunca dês demasiado a um poeta, arrepender-te-ás.
São sempre os últimos a encontrar estacionamento
para o carro, mas quando chove não se molham,

passam entre as gotas de chuva. Não por serem
mágicos, ou serem magros, mas por serem parvos.
A falta de sentido prático dos poetas não tem graça.

José Luís Peixoto, in Gaveta de Papéis (2008)

Dia da Bicicleta

É o qu`eu digo...

Comemora-se hoje o Dia Mundial da Bicicleta. Este dia foi aprovado em 2018, pelas Nações Unidas, um reconhecimento do contributo que a utilização da bicicleta tem para os objectivos de desenvolvimento sustentável.

Deixo o registo fotográfico da minha querida Dona Isaura para assinalar a data, ela que para alem de contribuir para o desenvolvimento sustentável e igualmente uma fonte inesgotável de boas sensações. 

61565570_10216407720858457_2350286759562051584_n

A minha bicicleta

Poesia à Segunda
A minha bicicleta
só tem dois pedais
mas se monto nela
não tem dois, tem mais !

A minha bicicleta
tem um guiador
quando monto nela…
…sou aviador!
No jardim onde ando
não vejo um canteiro…
sou aviador,
vejo o mundo inteiro
Voo mesmo a sério !…
Por cima das árvores
(não toco no chão!)
voo mesmo a sério
vou de avião…
A minha bicicleta
também tem selim
mas eu nem me sento,
gosto mais assim :
Pedalo em pé
dá mais rapidez
a minha bicicleta
é o que tu vês:
É um avião,
pois eu não te digo?!
Da próxima vez…
Da próxima vez
Levo-te comigo?
 
Poema de João Miguel Bernardes