Red Bull Trans-Siberian Extreme

É o qu`eu digo...

Inicia hoje e prolonga-se até ao dia 10 de agosto a  Red Bull Trans-Siberian Extreme, talvez, a mais dura prova de bicicletas do mundo.

O percurso de mais de 9000 quilómetros, sim, isso mesmo, 9 mil, liga a cidade de Moscovo à longínqua Vladivostok,  seguindo próximo da mítica linha férrea que liga a Russia europeia com a parte oriental do país, o Transiberiano.

marcelo-florentino

Foto  |  Denis Klero / Red Bull Content Pool

Esta é já a terceira edição da prova que se divide em 14 duríssimas e imprevisíveis etapas, algumas delas, com distancias na casa dos 1000 quilómetros. Para termos de comparação, dizer que as grandes provas mundiais por etapas, como a Volta à França e a Volta à Itália, percorrem distâncias nunca superiores a 3500 km, no mesmo percurso de tempo, 3 semanas.

trans-siberian-extreme-1

Foto  |  Denis Klero / Red Bull Content Pool

Na edição anterior nenhum atleta conseguiu concluir a prova e na edição de 2015 apenas dois o fizeram na variante individual.

Para melhor compreensão da dureza da prova, física e mental, partilho o vídeo da edição passada… 

Uma sugestão: Não tentem fazer isto em casa!

Ilustrações de Spencer Wilson

É o qu`eu digo...

Mais um artista, adepto das duas rodas, que dedica parte do seu trabalho à sua paixão pelas bicicletas.

As ilustrações seguintes são dedicadas ao ciclismo de competição e têm como inspiração as grandes competições velocipédicas mundiais, O Giro de Itália, a espanhola La Vuelta, e a mítica Volta a França.

Em parceria com outro amigo lançou o livro “The Modern Mamil” com algumas curiosidades, anedotas e explicações humoristicas sobre algumas das palavras mais usadas no ciclismo.

Com mais uma sugestão de leitura para praia e esplanada despeço-me com amizade até uma próxima publicação.

spencer-wilson-illustrations_urbancycling_5

spencer-wilson-illustrations_urbancycling_7

spencer-wilson-illustrations_urbancycling_12

fonte  |  http://www.spencerwilson.co.uk/

Em modo, relax!

É o qu`eu digo...

Andamos por aí, de cara ao vento com a pele a ressequir ao sol e ao ar de mar… Andamos por aí, à descoberta e tal qual um “caçador de troféus” estou sempre pronto para sacar da câmara ou do telemóvel para capturar alguns momentos… Andamos por aí, sem estarmos amarrados à ditadura do relógio, a não ser do biológico, que ronca quando dá fome, que desliga quando está cansado, que me detém quando os olhos captam a beleza das coisas… 

Andamos por aí.

19702351_10211435774562907_1711437858903495509_n

foto  |  nelson branco

Cycling Cartoons by Dave Walker

É o qu`eu digo...

Mais um livro de rabiscos e sarrabiscos, um verdadeiro guia da vida em duas rodas… 

Pelos cartoons disponibilizados no blogue do autor, que abaixo publico, parece ser um guia com belas pinceladas de humor que, certamente, para quem é utilizador de bicicleta vai rever-se em algum deles.

Com as férias a aproximarem-se pode ser uma boa sugestão de leitura…

cycling-cartoonist-jan-16-az-706

“My book, ‘The Cycling Cartoonist’, was published by Bloomsbury on 1 June 2017.

I spent six months of 2016 drawing lots of new drawings for the book, the biggest cartoon project I have ever undertaken. There are 139 cartoons, with well over one hundred of them being brand new material. I love cycling in all its forms, so this book hopefully has something for everyone, from bike racing fans right through to cycling club members, sportive riders, commuters, and those who use their bike to go to the shop / pub / church, or just pootle around on a sunny day.”

You can buy the book via the following places:

At your local bookshop
Buy The Cycling Cartoonist – Bloomsbury UK
Buy The Cycling Cartoonist on Amazon UK
Buy The Cycling Cartoonist at Waterstones
Buy the Cycling Cartoonist at Church House Bookshop
Buy The Cycling Cartoonist on Amazon.com

76-the-saddle-bag-90064-the-sportive-90047-the-cycling-cafe-900cycling-to-work-cartoon-logo

fonte  |  http://cyclingcartoons.com

 

Specialized Diverge 2018

É o qu`eu digo...
A Specialized apresentou a sua nova “gravel bike” Diverge, modelo que inclui algumas novidades. Uma delas é a introdução da tecnologia “future shock” já experimentada no modelo Roubaix 2017 lançado aquando da mítica prova.
diverge_02
Este sistema diminui a vibração em terrenos mais acidentados aumentando o conforto para o utilizador.
future1
Outra novidade é um pequeno “depósito” técnico, junto ao pedaleiro, que permite acondicionar alguma ferramenta.
Uma bela máquina! Até apetece dizer: Uma bicicleta que podia ser minha…