Ciclovia de 83 quilómetros vai ligar praias do litoral de Coimbra

Informativo

“De Mira à Figueira da Foz, passando por Cantanhede, projecto prevê conexão das vias já existentes.

img_5750

Vai passar a ser possível percorrer todo o litoral do distrito de Coimbra numa ciclovia. A Comunidade Intermunicipal da Região de Coimbra (CIM-RC) anunciou nesta terça-feira os planos para ligar Mira, o concelho mais a Norte, à Figueira da Foz, no limite Sul.

O projecto visa fazer a ligação entre as vias já existentes em cada município, com a abertura de um percurso de 83 quilómetros na faixa atlântica. Já há trechos de ciclovia na Praia de Mira e na Figueira da Foz, bem como na Praia da Tocha, no concelho de Cantanhede, mas falta ainda a conexão entre os três sistemas.

Com este projecto fica assegurada uma parte da rota Eurovelo 1, que integra a rede europeia de Ciclovias, faz saber a CIM-RC através de uma nota enviada às redacções. Essa rede é composta “actualmente por 15 rotas cicláveis de longa distância que cruzam o continente Europeu”.”

fonte  | publico.pt

Anúncios

“Ciclista escocês que deu a volta ao mundo em 79 dias quebra recorde”

Informativo

PARIS — O ciclista escocês Mark Beaumont, que completou uma volta ao mundo em 79 dias, quebrou o recorde do Guinness World Record de volta ao mundo mais rápida em uma bicicleta. O objetivo dele foi concretizado um dia antes de seu cronograma, inspirado na aventura clássica do escritor francês Jules Verne, publicada em 1873, “A volta ao mundo em 80 dias”.

Para isso, ele pedalou por 18 horas por dia, marcando uma distância de, aproximadamente, 29 mil quilômetros, e queimou mais de 9 mil calorias a cada 24 horas conforme cruzava pela Polônia, Rússia, Mongólia, China, Austrália e os Estados Unidos. O ponto de partida, e de chegada, foi a cidade de Paris.

“Oficialmente completei a volta ao mundo em 78 dias, 14 horas e 40 minutos”, escreveu Mark no Facebook.

Em um vídeo publicado em sua página no Facebook nesta terça-feira, Mark agradeceu a equipe que lhe ofereceu apoio ao longo da sua jornada.

“Estamos de volta onde começamos, no Arco do Triunfo. Um final intenso. Conseguimos!”, disse o ciclista, ainda um pouco ofegante após a chegada. “Ah, e essa é a minha mãe”, completou, abraçando a senhora ao seu lado que, com um sorriso no rosto, demonstrava orgulho diante do feito de seu filho. “Muito bem, equipe!”, disse Mark.

Na primeira parte, ele partiu da França, atravessou a Rússia e foi de bicicleta até a China. Dali, pegou um avião até uma cidade na costa oeste da Austrália, de onde pedalou para a costa leste. Um avião o levou para a Nova Zelândia, de onde seguiu de bicicleta até Auckland. Depois, um voo o levou para a América do Norte, onde pedalou até a costa leste. Novamente, pegou um avião, voltando para a Europa. Por último, Mark seguiu por Portugal, Espanha e França.

“É literalmente sobre pedalar para o próximo horizonte”, disse o escocês nesta segunda-feira após completar sua jornada sob o Arco do Triunfo, em Paris. “Eu mal andei pelos dois últimos meses e meio”.

Um acidente na Rússia no nono dia, no qual quebrou um dente e machucou seu cotovelo, quase acabou com uma corrida que disse ter lhe levado para uma “profundidade mental” que nunca havia experimentado.

“É apenas a privação do sono. É após semanas e semanas e semanas, são somente as longas, longas horas que você passa na sua cabeça, você sabe, realmente lutando. E você só precisa decidir que nunca vai parar”, disse.Ele completou a jornada em 78 dias, 14 horas e 40 minutos. O recorde anterior era do neozelandês Andrew Nicholson, que em 2015 conseguiu o feito em 123 dias.

O ciclista recebeu dois certificados de recordes mundiais do Guinness World Record – um pelo recorde ao redor do mundo e outro pela maior distância pedalada em um único mês.

xmark-beaumont-5-pagespeed-ic-b0boftagkt

fonte  |  oglobo.globo.com

Semana Europeia da Mobilidade 2017

Informativo

Inicia-se hoje.

Anualmente entre 16 e 22 de setembro, os cidadãos europeus têm a oportunidade de participar em atividades dedicadas à mobilidade sustentável, com o objetivo de alertar e trazer a debate a necessidade de mudança de comportamentos relativamente à mobilidade.

Infelizmente nem todos os municípios se associam a esta causa, no meu, não sou conhecedor de qualquer atividade para assinalar o arranque da mesma. 

Hoje, porque não deixa o seu carro em casa e sai de casa na sua bicicleta?

mobilidade_1_1280_720

 

Biklio, uma “app” que te recompensa por usares bicicleta

Informativo

“Para já só está disponível em Lisboa, mas chega em breve a Braga e Torres Vedras. Agora já podes trocar exercício físico por benefícios em vários negócios

E se quando quiséssemos um café pudéssemos pagar com pedaladas? Ou uma bola de gelado extra naquela gelataria da zona? O Verão está a acabar, mas se para beber um copo de limonada fresca bastasse pôr um smartphone no bolso, pedalar até a um estabelecimento e mostrar no ecrã a confirmação da viagem?

Biklio, uma aplicação gratuita que “detecta quando os utilizadores estão a andar de bicicleta”, tornando-os elegíveis “para benefícios” na zona de destino da mesma, já está disponível para IOS Android, mas só terá o lançamento oficial a 21 de Setembro, em Lisboa, no âmbito da Semana Europeia da Mobilidade. Lisboa é mesmo a primeira cidade europeia a usufruir do projecto. Cidades de Itália, Luxemburgo, Bulgária ou Holanda serão as próximas. Em Portugal, em breve, Braga e Torres Vedras vão juntar-se à capital neste projecto.

“Já existem aplicações com um conceito semelhante, que dão benefícios consoante o exercício físico realizado, mas desta forma, com benefícios para lojas da zona, é uma novidade”, adianta João Bernardino, gestor de produto da Biklio, ao P3. Mas como é que a aplicação sabe que vamos mesmo de bicicleta e não estamos a ludibriar a tecnologia? “Através da vibração detectada”, assegura. No caso de telemóveis com sistema operativo Android, nem sequer é necessário ligar o GPS e, dessa forma, a bateria não é drenada rapidamente.

A integração dos negócios na aplicação, algo que poderia ser complicado, até acabou por não causar sobressaltos ao projecto, já que, segundo o gestor da Biklio (que não tem nenhuma empresa associada), a aplicação apontou a comerciantes específicos, “a quem poderia interessar” esta forma de negócio e a promoção de um estilo de vida saudável.

A aplicação foi desenvolvida no âmbito do projecto europeu Trace e, nas palavras de Bernardino, quer aproveitar “o potencial dos smartphones para fazer tracking a dois níveis”: promover mudanças de comportamentos e recolher de dados. Estes dados podem servir para auxiliar a tomada de decisões que se adaptem à forma como as deslocações são feitas nas cidades.

A aplicação já conta com alguns benefícios disponíveis, mas muitos só vão ser adicionados à medida que o dia 21 de Setembro se aproxima.”

fonte  |  p3.publico.pt

21480556_713918788798377_9080794262387294208_n

foto  |  nelson barnco

 

Bicycle Friendly Cities 2017

Informativo

Acabou de ser publicado o relatório anual da Copenhagenize Design Company que avalia e classifica quais as cidades, no mundo,  mais amigas da bicicleta.

Este estudo avalia vários fatores, entre os quais, as instalações para a prática do ciclismo, a cultura da bicicleta, o urbanismo, questões de segurança, entre outras.

Encabeça a lista a capital dinamarquesa, Copenhaga, não havendo referência a qualquer cidade portuguesa nas 20 primeiras posições!!!

bicycle-friendly-cities-index-2017_copenhagenize_5

fonte  |  copenhagenize.eu

Deeper Lock

Informativo

Com o roubo de bicicletas a crescer um pouco por todo mundo vão sendo desenvolvidos sistemas anti~roubo cada vez mais sofisticados e eficientes, como é o caso do Deeper Lock.

Para além de estar melhorado em termos da qualidade que o compõe, o equipamento está ainda dotado de um sistema de GPS que permite, através do smatphone, fazer um visionamento da localização da bicicleta, para além dessa mais valia, tem integrado um sistema de alarme que dispara automaticamente em caso de tentativa de furto. Outro elemento em destaque são os pequenos paineis solares que permitem o carregamento das baterias.

Este produto leva já mais de dois anos de desenvolvimento e promete dar cartas no campo da segurança.

Mas o melhor é mesmo ver o vídeo para melhor perceberem o conceito.

fonte  |  http://deeperlock.com/

Centro de BTT de Valongo – inauguração

Informativo

“No próximo dia 6 de agosto, pelas 10h00, vai ser oficialmente inaugurado o Centro de BTT de Valongo, junto ao Pavilhão Municipal n.º 2 de Campo.

O programa da inauguração inclui a realização de um passeio de BTT, com particulares características naturais, envolvendo o Parque das Serras do Porto.

As inscrições são gratuitas e poderão ser efetuadas na Piscina Municipal de Valongo, até ao dia 4 de agosto e no dia do evento. Os primeiros 300 inscritos,  no dia da inauguração receberão a oferta de um Kit (saco, água e bidon Iskan). Todas as inscrições incluem seguro.

Com uma extensão de 153Km, o Centro de BTT de Valongo é constituído por 6 percursos, cujos graus de dificuldade vão desde o fácil (para praticantes em iniciação) até ao muito difícil (para praticantes bastante experientes), sendo a porta principal de entrada no Pavilhão Municipal nº 2 de Campo e a secundária junto ao Indoor Soccer de Sobrado.”

fonte  |  cmvalongo

cartaz_valongo_btt3_1_768_978